Polícia

Após denúncia anônima, 4º BPM apreende mais de 6 kg de drogas e prende uma pessoa em Gurupi

Uma chácara utilizada para o comércio de drogas foi alvo da atuação da PM, após denúncia anônima de movimentação contínua de pessoas no ambiente. Na residência os policiais localizaram droga, dinheiro, balança de precisão e prenderam em flagrante uma pessoa.

24/09/2019 09h40
Por: Redação
243
Droga, celulares, dinheiro, balança de precisão e papel filme apreendidos pela PM
Droga, celulares, dinheiro, balança de precisão e papel filme apreendidos pela PM

Ascom 4º BPM/Polícia Militar do Tocantins

Na noite desta segunda-feira, 23, o 4º Batalhão de Polícia Militar – 4º BPM prendeu um homem, 20 anos, acusado de tráfico de drogas em Gurupi - TO. Na residência do autor do delito a PM localizou aproximadamente 6,2 kg de produto entorpecente análogo à maconha, R$ 1.515,00 reais, uma balança de precisão, três aparelhos celulares, uma faca e papel filme.

O crime aconteceu numa chácara situada na rua Presidente Castelo Branco, região central. Na ocasião a PM foi acionada anonimamente sobre possível ocorrência de comércio de produto entorpecente na residência situada no imóvel, devido a movimentação contínua de pessoas no ambiente.

Durante a averiguação, policiais militares da Força Tática da Unidade se depararam com duas pessoas na chácara, tendo uma delas fugido à pé pelo mato e a outra tentou se esconder dentro da casa, mas foi presa logo em seguida. Nas buscas os policiais localizaram a droga, o dinheiro, a balança de precisão e o papel filme dentro da casa.

O dinheiro se encontrava no quarto do homem que se evadiu; todavia, ele foi identificado e qualificado pelos militares.

Ainda, enquanto os policiais revistavam o imóvel, chegou ao local um homem eufórico, que não percebeu a presença da PM, devido a iluminação deficiente, o qual exigia dos moradores daquela residência a sua parte da droga. Ele também foi levado ao departamento policial.

Após receberem voz de prisão, os dois homens e os produtos ilícitos foram apresentados na delegacia Central de Flagrantes para os devidos procedimentos.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.